sexta-feira, 28 de novembro de 2008

A verdade dói...

Desde pequeno sempre ouvia meus tios falando da imprensa do eixo rio-são paulo e seus favorecimentos para a região. Ai fui crescendo e entendendo o motivo de tanta indignação. Meus tios são todos torcedores do Atlético-MG, e o caso que sempre lhes vinha em mente era do jogo contra o Flamengo em 80, onde o atual comentarista de arbitragem da Globo, José Roberto Wrigth, cometera um verdadeiro assalto.

Passados 28 anos, o mesmo Flamengo está novamente em cena e com outro time mineiro. O jogo entre Cruzeiro e Flamengo no último dia 23 foi eletrizante, mas foi marcante por um lance em especial.

Já no fim da partida que caminhava para a vitória celeste, Diego Tardelli, atacante rubro-negro, dividira um bola dentro da área azul com o zagueiro cruzeirense Léo Fortunato. Os dois foram ao chão e o árbitro Carlos Eugênio Simon nada sinalizou. Foi o estopim para uma grande confusão, principalmente fora de campo.

A não marcação do penalti em favor dos cariocas causou uma tremenda revolta para os mesmos e o cômico presidente flamenguista Kleber Leite entrou em cena. Acusando de forma veemente o juiz Simon de ladrão e que faria de tudo para tirá-lo da Copa de 2010, Leite teve em seu favor imagens realizadas pela Globo. Eu disse imagens?

Na verdade a Globo apenas mostrou o lance de um ângulo apenas! Logo a Globo que se gaba de suas dezenas de câmeras espalhadas por todo estádio. Tal ângulo, claro, favorecia a hipótese de que realmente teria acontecido o penal.

Porém a justiça tarda mas não falha! No programa Sport Center da ESPN, imagens do mesmo lance MAS de um OUTRO ÂNGULO deixam claro que Diego Di Caprio, digo, Tardelli encenou de forma magistral, escondendo sua profunda falta de intimidade com a bola.

Léo Fortunato nada fez e Simon que chegou a ser punido pela suposta falha agora deseja desculpas e retratações por parte da imprensa e do clube carioca.

Enfim. Times do eixo Rio-São Paulo sempre foram e sempre serão favorecidos. A imprensa age de maneira ridícula ao menosprezar grandes equipes como Grêmio, Inter, Cruzeiro. Nós torcedores excluídos desse bloco poderoso, devemos nos unir e boicotar essas pífias transmissões regionalistas.

Vejam o vídeo da ESPN






Por Rangel Barboza

3 comentários:

Felipe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Felipe disse...

Realmente é triste ter que acordar para essa realidade.Mas nao a como mentir,mineiros,gauchos e demais regioes fora do eixo rio sao paulo, nao tem esse poder de midia que clubes como sao paulo,flamengo, conrinthians e cia possuem.
O flamengo é um time que visivelmente possui uma memoria curta, nao recorda das dezenas de erros de arbitragens que ocorrem ao seu favor, onde ate 2 gols de maos ocorreram em seu favor no mesmo jogo!anularemos esse jogo tambem?! ou crucificaremos apenas o arbitro que agiu a favor do que é certo e nao dos interesses flamenguintas. Me poupe senhor presidente do flamengo, o seu time entrega o ouro a cada rodada, ele mesmo ja nao quer essa vaga na libertadores.

Felipe disse...

Parabens tambem a ESPN,que diferentemente da GLOBO, consegue conciliar jornalismo com respeito ao publico.A GLOBO a cada situacao como essa so perde credibilidade com o país.